30.10.17

No escuro...


Apaguei a luz.
Às vezes vê-se melhor no escuro.

Já não posso apagar a tua imagem 
- Ou não sei como -
E meus olhos vão cegando
Com a mudança de estação.


De vez em quando esvazio-me

E desço aos infernos...

Quantas vezes até acabo por gostar.