22.10.11

Voando...


Ao ouvir o sussurro dos teus passos 
volto sempre para te encontrar
pelas estradas abertas do infinito...

Vivo da magia que emite
esse estranho som
dum silêncio sem limite
que chega até mim
como se fosse um dom.